Tendinite do calcâneo

Visão Geral

O que é Tendinite do calcâneo?

Também chamada de tendinite de Aquiles, a tendinite do calcâneo é a condição em que ocorre inflamação ou degeneração do tendão de Aquiles, com inchaço e presença de dor.

O tendão de Aquiles fica na parte de trás da perna, e conecta os músculos da panturrilha aos ossos do calcanhar. Ele é muito usado em nossas atividades do dia a dia.

Causas

Existem dois músculos grandes na panturrilha: o gastrocnêmio e o sóleo. O tendão de Aquiles conecta esses músculos aos ossos do calcanhar.

Eles são importantes para caminhar, correr, pular, entre outras atividades comuns. Por isso mesmo, pode ocorrer inflamação devido ao desgaste do tendão – às vezes também relacionado à artrite. Em outros casos, a tendinite do calcâneo também pode ocorrer devido à inflamação decorrente de lesões e infecções.

Fatores de risco

A tendinite do calcâneo decorrente do desgaste da articulação é muito comum em jovens, principalmente os que praticam atividade física. O problema pode ocorrer em pessoas que caminham, correm ou em atletas de outras modalidades. Esportes como o basquete e o vôlei exigem pulos constantes que depositam muito estresse sobre o tendão de Aquiles. Atletas dessas modalidades esportivas também são mais propensos a desenvolver o problema.

Além disso, o aumento da intensidade dos exercícios e a falta de alongamento também podem levar à tendinite do calcâneo.

Sintomas

Sintomas de Tendinite do calcâneo

Os sintomas incluem dor no calcanhar e no tendão ao praticar atividades simples, como andar ou correr. A área pode ficar dolorida e rígida principalmente durante a manhã, ao acordar.

O tendão pode ficar dolorido e sensível ao toque e a simples movimentos. A pele sobre o tendão também pode ficar inchada e quente.

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Se você sentir dores no calcanhar, principalmente na região próxima ao tendão de Aquiles, que pioram com atividades físicas, procure um médico para fazer uma avaliação e um possível tratamento para tendinite do calcâneo, se for confirmado o diagnóstico.

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar tendinite do calcâneo são:

  • Clínico geral
  • Ortopedia
  • Reumatologia

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando os sintomas surgiram?
  • Você pratica atividades físicas? Com que frequência?
  • Você costuma fazer alongamentos antes e depois das atividades físicas?
  • Você sente dores?
  • Qual a intensidade das dores?
  • A dor é localizada ou não?

Diagnóstico de Tendinite do calcâneo

Um exame físico no próprio consultório médico já é capaz de confirmar o diagnóstico. Nele, o médico examinará a sensibilidade no tendão e a dor presente na região. No entanto, se a causa dos sintomas ainda não estiver totalmente clara, o especialista poderá solicitar alguns exames de imagens, como radiografias e exames de ressonância magnética.

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Tendinite do calcâneo

Os principais tratamentos para a tendinite do calcâneo não envolvem cirurgia. Neste problema, a dor pode demorar de dois a três meses para desaparecer completamente.

Cuidados caseiros também fazem parte do tratamento. Converse com o médico sobre medidas que você pode tomar para aliviar os sintomas e ajudar na recuperação.

No entanto, se os tratamentos não surtirem efeito, talvez seja necessária uma cirurgia para retirar o tecido inflamado e reparar o dano no tendão.

A terapia extracorpórea por ondas de choque (LECO) pode ser uma alternativa à cirurgia para pessoas que não responderam a outros tratamentos. Esse método utiliza ondas de som de baixa frequência para tratar o problema.

Convivendo (prognóstico)

Convivendo/ Prognóstico

Aplique gelo sobre o tendão por 15 ou 20 minutos, de duas a três vezes por dia. Remova o gelo se a área ficar dormente.

Alterações nas atividades podem ajudar a controlar os sintomas:

  • Diminua ou pare qualquer atividade que cause dor
  • Corra ou caminhe em superfícies macias ou mais suaves
  • Tente andar de bicicleta, nadar ou fazer outra atividade que coloque menos carga no tendão de Aquiles.

O médico ou fisioterapeuta podem indicar exercícios de alongamento para o tendão de Aquiles. Converse com um especialista antes de voltar a praticar atividade física.

Medicamentos anti-inflamatórios vendidos em farmácias sem necessidade de prescrição médica também podem ajudar reduzir a dor e a inflamação.

Complicações possíveis

A tendinite do calcâneo pode aumentar a probabilidade de o paciente sofrer um rompimento do tendão de Aquiles.

Expectativas

Geralmente, mudanças no estilo de vida melhoram os sintomas da tendinite do calcâneo. Entretanto, os sintomas podem retornar caso as atividades responsáveis pela dor não sejam diminuídas ou o tratamento não surtir efeito. Quando necessária, a cirurgia tem se mostrado muito eficaz na redução da dor e na reparação no tendão.

Prevenção

Prevenção

A prevenção dessa doença é possível por meio da prática saudável de exercícios físicos, que procurem manter a força e a flexibilidade dos músculos da panturrilha. Isso é especialmente importante para atletas, já que o uso excessivo do tendão de Aquiles pode levar à tendinite no local. Atividade física especial pode ajudar a prevenir o problema e reduz os riscos dessa e outras complicações.

Fontes e referências

  • Ministério da Saúde
  • American College of Rheumatology
  • Arthritis Foundation
  • Mayo Clinic
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não
;
Copyright 2008 Yahoo! Todos os direitos reservados